Quinta-feira, 25 de Agosto de 2011

O Ministro da Propaganda ao Ataque

O Ministro da propaganda, Miguel Relvas, qual Goebbels à portuguesa, apresentou-se na Assembleia da República, com umas pastas contendo umas tantas facturas, que  segundo  próprio não se encontravam contabilizadas, por parte do IDP, cujo valor ascende a cerca de 7 milhões de euros.

 

Independentemente da veracidade do facto, que desde já coloco em dúvida, pois não é crível que algum forncedor estivesse 5, 6 ou 7 anos à espera para cobrar a factura de um fornecimento, o que verdadeiramente me espanta é a criatura ter levantado o problema de modo tão espalhafatoso, sem primeiro ter pedido explicações aos responsáveis anteriores pela gestão do Instituto. Em qq organização, em que coisas destas aconteçam, primeiro procura-se esclarecer internamente o que se passou e só depois, então sim, se avança com auditorias externas, processos disciplinares e /ou processos crime para responsabilizar quem o deva ser. E, convenhamos, sempre que se apurem irregularidades, devem ser também apuradas responsabilidades.

 

Aqui o carro andou à frente dos bois (ou do boi, para a hipótese do carro em vez de cabeçalha, com os dois animais ajoujados um de cada lado , ser provido de dois varais que entre eles enquadram a respectiva canga e o animal tirante), primeiro assacaram-se responsabilidades, agora busca-se a irregularidade.

 

Curiosamente, nunca ouvi o Ministro da propaganda referir-se, criticando-a, à camarilha PSD que tanto sacou do BPN, nem agora, fazer referência alguma ao déficit da Madeira, em que o A.João, gastando à tripa forra, esbanjouno primeiro semestredo ano  mais 277 milhões do que o orçamentado, e que os "cubanos do Contenente" mais uma vez vão ter de pagar, não se livrando, ainda por cima, duma caterva de insultos em que o sujeito é pródigo e o PSD do Continente aplaude com um sorrizinho amarelo nos lábios. Pode estar descansado, caro Alberto João, Passos Coelho vai assinar o cheque e ainda vai dar-lhe uma palmadinha nas costas de agradercimento, pelas vitórias que tem dado ao PSD. Continue a sacar. Passos Coelho está disponível e a TROIKA não se opõe. Afinal, custa alguma coisa apôr a assinatura num cheque.  Não, não custa! Então porque não se há-de ajudar um amigo e correligionário, que ainda por cima ganhsa eleições? Os cubanos que paguem a crise.   

publicado por casadasagras às 13:02
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Dezembro 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30
31


.posts recentes

. O que diz Passos Coelho?

. Ressuscitado? ainda não! ...

. Um laivo de dignidade.

. Novos Orgãos Autárquicos

. Curiosidades

. Eleições Autárquicas

. Autárquicas 2013

. Sócrates não desiludiu.

. Novidades Muitas

. Foi muito importante o c...

.arquivos

. Dezembro 2014

. Outubro 2014

. Outubro 2013

. Agosto 2013

. Junho 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Novembro 2012

. Setembro 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Outubro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Maio 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Abril 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

.tags

. todas as tags

.favorito

. As gorduras, sempre as go...

. Um Exemplo de Coerência

. Opções Erradas

. O MONSTRO

. Contradições

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds