Segunda-feira, 4 de Maio de 2009

Bem Prega Frei Tomás

A recente alteração da lei do financiamento partidário, foi aprovado por todos os partidos ao arrepio dos principais debates que se têm verificado na sociedade portuguesa, nomeadamente no que  tange à transparência e à corrupção.

 

Esta lei vem escancarar as portas aos favores pagos com dinheiro vivo, sem qq controle. Deixa de ser necessário emitir recibos em nome de um qq Jacinto Capelo Rego e quejandos.

 

Numa altura de sérias  dificuldades ao nível económico e social,  legislar sobre esta matéria e nos termos em que foi feito, só serve para aumentar o fosso entre a a classe política e o eleitorado. Para além disso, não me pareceu ético invocar a necessidade de resolver um problema ao P.C. por via da contabilização das receitas da festa do Avante. Se a questão fosse essa - ou apenas essa - sempre haveria forma de a ultrapassar. O PC foi mero bode expiatório, neste caso. Aos partidos políticos que aprovaram a lei - e foram todos, repita-se - bem se lhe pode aplicar o velho adágio popular: "Bem Prega Frei Tomás"...

publicado por casadasagras às 00:09
link do post | comentar | favorito
|
6 comentários:
De LOCAS a 9 de Maio de 2009 às 08:57
João Gonçalves
E TU por acaso és da Póvoa ou és Suiço?
É que se fosses da Póvoa estavas Cá e pagavas cá os teus impostos e com o teu dinheiro contribuías para que a Póvoa se desenvolvesse é o que faz quem não é "filho da terra),mas também já HÁ POUCOS ,POIS DESDE 1985 OS "POVOENSES" ORA NASCEM EM BRAGA OU GUIMARÃES,E SE A POVOA FOSSE AO PÉ DE ELVAS ENTÃO OS "POVOENSES" IAM NASCER A BADAJOZ
Deixa-te de tanta tacanhez,nós somos todos da póvoa e simultaneamente do mundo


De João Gonçalves a 10 de Maio de 2009 às 12:40
Locas
Ai Locas, este nome não tem nada a ver contigo, gosto da tua simplicidade, endereço-te um beijinho. Sabes, eu sou da Póvoa com muito gosto. Custou-me muito sair da minha terra, pois nunca o imaginava. Depois de ter muito sucesso, no meu trabalho de lojista e vendedor ambulante, escritor nato de livros e jornais locais e internacionais. Mas infelizmente a minha terra não me deu aquilo que eu precisava. O povo perdeu a vergonha, calotes e calotes, fiquei a gemer, e, a pagar créditos para os outros, tive mesmo que sair para continuar a minha vida digna e séria. Impostos ainda pago, porque felizmente tenho bens na Póvoa. Quanto a celebre frase e penso que, a tua resposta vai ao encontro dela; (Temia não ser da Póvoa de Lanhoso natural, o candidato da CDU.) Foi uma resposta ao partido, pois também eles responderam que, não faltavam doutores e engenheiros para assumirem um candidato à Câmara pela CDU. Afinal não aconteceu! Mas louvo-os por ter juventude com coragem, pode ser que daqui a 12 anos consigam dês que não desistam nestas eleições. De resto quero voltar à Póvoa, mas quando Portugal caminhar para melhor e as pessoas forem mais sérias. Sei o que digo. Adeus.


Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Dezembro 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30
31


.posts recentes

. O que diz Passos Coelho?

. Ressuscitado? ainda não! ...

. Um laivo de dignidade.

. Novos Orgãos Autárquicos

. Curiosidades

. Eleições Autárquicas

. Autárquicas 2013

. Sócrates não desiludiu.

. Novidades Muitas

. Foi muito importante o c...

.arquivos

. Dezembro 2014

. Outubro 2014

. Outubro 2013

. Agosto 2013

. Junho 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Novembro 2012

. Setembro 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Outubro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Maio 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Abril 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

.tags

. todas as tags

.favorito

. As gorduras, sempre as go...

. Um Exemplo de Coerência

. Opções Erradas

. O MONSTRO

. Contradições

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds