Quarta-feira, 15 de Abril de 2009

Valores Astronómicos

Hoje tomei conhecimento de mais dois empresários que trabalham para a Cãmara e não facturam (e não recebem) as obras ou  fornecimentos  desde 2007.

 

É uma situação de enorme gravosidade, pois que, como estamos em ano de eleições, a febre despesista, a esmo e sem controle, vai aumentar desmedidamente. A dívida com registo contabilístico vai disparar. Mas bem pior do que isso , vai ser a dívida escondida, porque não facturada e empurrada para a frente, pois esta vai ficar sem controle e atingir valores verdadeiramente astronómicos. Oxalá me engane...mas que a coisa não vai pelo bom caminho, não.

publicado por casadasagras às 23:20
link do post | comentar | favorito
|
16 comentários:
De Anónimo a 16 de Abril de 2009 às 10:10
Empresários que forneceram bens ou serviços à Câmara em 2007 e ainda não facturaram? Essa acusação é grave. Esses empresários, se isso fosse verdade, arriscavam-se a nunca mais receber o seu rico dinheirinho... O administrador deste blog sabe, porventura, como é que funciona a plataforma de contratação pública? Pois se não sabe, primeiro informe-se antes de vomitar para aqui tanta asneirola... Já agora, se tem coragem, diga quem são os empresários. Afinal eles não têm nada a perder. Antes pelo contrário. Pode ser que recebam aquilo que, supostamente, a Câmara lhes deve...
Tenha vergonha, Sr. Administrador. Fazer política não é isso que o senhor está a fazer. Fazer política é falar com seriedade e não com MENTIRAS E CALÚNIAS.


De Anónimo a 16 de Abril de 2009 às 12:53
Apetece diz "bem prega Frei Tomás", quando se afirma "não facturam (e não recebem) as obras ou fornecimentos desde 2007" (Blogue casadasagras). Também não facturo à Câmara Municipal , quantos povoenses não facturam à Cãmara Municipal e gostariam de o fazer.
Pergunte o administrador do blogue casadasagras e certamente socialista aos empresários que tiveram exclusivos em obras e fornecimentos à Câmara Municipal se pensaram noutros empresários povoenses ou noutros trabalhadores povoenses, enquanto enriqueciam a olhos vistos.
Continua o Sr. Aministrador do blogue casadasagras nesta cruzada defensora de "capelinhas socialistas", julgando os restantes empresários e trabalhadores povoenses, com os "olhos fechados". Não lhe chegou a derrota de 2005...



De Anónimo a 16 de Abril de 2009 às 13:02
Uma despesa não é facturada e está em dívida? Poupem-nos a estas baboseiras!


De casadasagras a 16 de Abril de 2009 às 23:39
Óbviamente que se o serviço foi prestado ou o fornecimento efectuado, a situação de dívida está constituída, no sentido de que o encargo se encontra assumido, ainda que não esteja esgotado, ou sequer determinado prazo de pagamento.Na base da ideia aqui expendida pelo ilustre comentador, todas os fornecimentos e prestações de serviços que são feitos sem facturação, para fugir aos impostos, e são infelizmente muitos, já que a economia paralela ou informal é uma realidade preocupante no nosso país, mas não só, todos esses fornecimentos, dizia eu, na base de um raciocínio tão obtuso, não seriam devidos. Ou seja, não havia factura, não havia dívida. Preverso, não é?

A improcedência de uma tal assserção, é evidente e manifesta.

Para além do mais, como todos sabem, por isso me abstive de explicar, a não facturação não resulta de uma situação de inércia do empresário, mas antes de uma pressão - pressão, sim senhor - por para da Câmara para não o fazer, dando a entender vir a ser preterido em contratos futuros, invocando não receber as facturas ou não procedendo à medição das obras. Com uma tal postura, a Câmara vai adiando a respectiva facturação e empurrando a dívida para a frente.

Naturalmente que os próprios empresários também têm culpas no cartório ao pactuarem com esta situação, o que só se explica por falta de coerência e frontalidade ou perante um verdadeiro estado de necessidade resultante da situação difícil que tem afectado grande parte do tecido empresarial conectado com a construção civil e obras públicas.


De para VC a 16 de Abril de 2009 às 13:14
para VC

Senhor administrador deste espaço, Casa das Agras, para mim tanto vale, VC, ser da direita ou da esquerda, não deveria VC, postar neste espaço, a notícia sobre a facuração ou não facturação a, mais dois empresários, embora o possa ser verdade, não deveria, seria mais correcto trazer por outras palavras a este espaço e, as pessoas comentavam, VC mesmo comentava o que postou, mais um pouco do que sabe ou lhe contaram, não lhe ficria mal, estou certo de que seja verdade, também é verdade que a Camâra faz muita cultura e não paga atempadamente e não factura da mesma forma, geme o Mocho Rodrigus, geme o Pedro Giesta, Geme o cucu, geme o mato, está ver onde quero chegar, geme a sociedade que gere o lixo e os trabalhadores que limpam as artérias da vila, geme o diabo, geme aqueles que, fizeram festa, na festa de S. José desde musicos, a outras individualidades, toda a gente geme, terão sorte que, estamos perto das eleições e, tudo irá ser pago, talvez com dinhiro das autárquicas, podem, nem todos estes traços estarem por pagar, estarão outros tantos traços não mencionados em falta, paguem por favor,


De Anónimo a 16 de Abril de 2009 às 15:54
Só por má fé é que o "escrevidor" deste bogue faz as afirmações que faz sem concretizar. Afinal, espremido, temos o mesmo que nada. Não tenha medo, escreva com as letras todas, ponha os nomes dos empresários em causa, seja honesto com quem lê os disparates que aqui vai postando. Caso contrário vamos pensar, todos, que tudo não passam de invenções fantasiosas de quem não tem mais nada para fazer.


De casadasagras a 16 de Abril de 2009 às 23:43
Não identifico os empresários em causa, porque não me deram autorização para tal, sendo certo que também lha não pedi, desconhecendo se ma dariam ou não, caso o tivesse feito.


De Anónimo a 18 de Abril de 2009 às 15:24
Pois, por isso fico na minha: Invenções...


De autor a 16 de Abril de 2009 às 18:17
A direito por linhas tortas.



Vida difícil em tempo de crise...

É assim que se vive em Portugal e além fronteiras!

Como tudo na vida, há aqueles que trabalham e, aqueles que não trabalham.

Existem os trabalhadores que tem sorte em ter trabalho e, aquele que infelizmente não tem emprego.

Os que trabalham porque, estimam o emprego e, aqueles que não trabalham porque são malandros.

Pois é, é uma realidade constante, até porque, a crise não e para todos!

Apenas a crise e, muitas das vezes, é para quem quer estar na crise.

Este texto e, este comentário sob pena de chegar a outra conclusão, suscitou-me a forma de o escrever desta maneira, aliás, porque a crise é fantasmagórica para quem é malandro.

Vejamos, e, vejam os rodeios que dei para chegar à conclusão que, para sair da crise vasta fazer ou até nem fazer, mas fazer que o faz...

Fazer o quê?

Dou-vos a resposta.

Muitos marmanjos, não tem forma de sobreviver sem roubar, outros sem pedir, conclusão, mais cedo ou mais tarde vão ter grandes problemas!

Serão assim tão grandes problemas?

Claro que não.

Vou terminar da seguinte forma, reflicta sobre onde este rodeio quis chegar...

- Uns Jovens Povoenses Decidiram Roubar ou Fazer Simulação de Roubo a um Carro de Polícia Fora do País, Foram Dentro, Fugiram à Crise, Arranjaram Forma de Sobrevivência Grátis e sem Trabalhar, Fácil não é?!

Sem custo e sem crime, ou, com um crime sem danos, estão estes jovens descansados da vida, ainda podem ganhar uns trocos na cadeia, e curtir a vida, até porque para delitos destes a cadeia é livre e com espaços verdes onde podem desfrutar da natureza!

João Gonçalves


De Quelhas a 16 de Abril de 2009 às 18:36
A parte da notícia que se segue é demasiado comprida ou o espaço do Blogue curto!
Li por estas bandas, uns dizeres de que, este espaço deveria de, desistir e o dono do mesmo, fazer um outro, com todos os apetrechos, para assim satisfazer os desejos de quem comenta nele...

Podem ler todo o conteúdo noutro Blogue



Estranha viagem de regresso
Acompanhado por um enfermeiro Adriano foi enviado para Portugal, a Comuna de Thusis pagou a viagem de avião, o seu destino era o hospital Júlio de Matos em Lisboa. Contactado pelo Consulado de Zurique o tutor do português, afirmou que tudo foi municiosamente planeado, tendo o cuidado de acrescentar, que não informou deliberadamente as entidades oficiais portuguesas por temer a sua oposição.


Desprezo aos Portugueses na Suíça

Postado por "Quelhas" autor povoense


De Anónimo a 16 de Abril de 2009 às 20:59
Parabéns por este blog.

Este executivo já nos habituou em gastar todo o seu dinheiro em festas, em vez de aplicar em obras que fiquem para o futuro.
Não admira que fique a dever aos seus fornecedores, pois o dinheiro dos munícipes é mal gasto.

Bem Haja!
Benedito da Fonte


De Anónimo a 17 de Abril de 2009 às 12:22
O Benedito daFonte não se mede, coitado. É um triste... E o administrador deste blog deveria ser mais cuidadoso nas afirmações que faz. A mentira caluniosa não o leva a lado nenhum. Não é com esse género de bombinhas de pólvora seca que consegue fazer passar a sua mensagem.


De joaquim a 17 de Abril de 2009 às 18:49
Jornais - (taxa de porte) ???

Fiquei entristecido com a conversa que tivemos entre família e amigos na época de Páscoa. Entre os presentes, e em conversa, chegamos ao tema dos jornais povoenses entre outros. Ficamos a saber uns pelos outros, de que, o jornal Maria da Fonte e o jornal Terras de Lanhoso já não chegam a todos os destinos. Quer nas freguesias da Póvoa de Lanhoso, assim bem como, no resto de Portugal onde há um povoense. A falta maior é no Lexamburgo, França e Suíça. O Maria da Fonte tem sido cortado na França e Suíça principalmente. O Terras de Lanhoso tem sido cortado na França, Suíça e Lexamburgo principalmente. Dever-se-à por motivos de o governo não pagar a taxa de envio,(taxa de porte) visto ser agora suportado pela empresa do jornal. Isto está-se mesmo a ver a crise nesses jornais de grande gabarito e, assim sendo irão dar o BERRO, terão as horas contadas. Pena é não termos notícas da terra nas nossas freguesias e no resto do mundo onde há um português de Póvoa de Lanhoso.



Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Dezembro 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30
31


.posts recentes

. O que diz Passos Coelho?

. Ressuscitado? ainda não! ...

. Um laivo de dignidade.

. Novos Orgãos Autárquicos

. Curiosidades

. Eleições Autárquicas

. Autárquicas 2013

. Sócrates não desiludiu.

. Novidades Muitas

. Foi muito importante o c...

.arquivos

. Dezembro 2014

. Outubro 2014

. Outubro 2013

. Agosto 2013

. Junho 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Novembro 2012

. Setembro 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Outubro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Maio 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Abril 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

.tags

. todas as tags

.favorito

. As gorduras, sempre as go...

. Um Exemplo de Coerência

. Opções Erradas

. O MONSTRO

. Contradições

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds